#398

FABLAB COMUNITÁRIO

Ciência, Tecnologia e Ensino Superior

Ciência, Tecnologia e Ensino Superior

Imagem do projeto

A ideia do FABLAB (“Laboratório de Fabricação” do inglês “Fabrication Laboratory”) Comunitário é estruturar um espaço de fabricação física de peças, componentes ou montagens a partir de modelos desenhados digitalmente. Na prática, trata-se de uma pequena oficina que permite aos utilizadores a fabricação digital personalizada, disponibilizando-lhes todas as ferramentas necessárias. Tipicamente, entre outras, estes espaços permitem o acesso a impressoras 3D, fresadoras, máquinas de corte, soldadores, equipamentos electrónicos e de prototipagem, etc.
Tal serviço permitirá que pessoas singulares ou coletivas possam desenvolver ideias de projetos inovadores e equipamentos que, muitas vezes, esbarram na impossibilidade de se criarem as peças necessárias à elaboração de protótipos a custos suportáveis. O laboratório FABLAB disporá dos equipamentos necessários à materialização das peças pretendidas a partir do desenho em formato digital a qualquer interessado na comunidade em que se insere. Criando-se a possibilidade de acesso e partilha de uma oficina FABLAB, o limite passa a ser apenas a imaginação do utilizador, expressão muita comum entre os utentes deste tipo de serviço.
Um outro aspeto importante destes espaços é o modus operandi e o estímulo à aprendizagem, através da partilha de conhecimento e know-how envolvidos no desenvolvimento dos vários projectos, estimulando-se a criatividade e criando um espírito de partilha e entreajuda entre toda a comunidade de utilizadores.
Este projeto tem como proponentes docentes da área tecnológica que são frequentemente confrontados também, na sua actividade profissional com os alunos, com esta limitação de oferta ao nível regional e que acaba por ser, muitas vezes, o travão definitivo à materialização das boas ideias que vão surgindo.
Os laboratórios FABLAB, não tendo uma lógica comercial, constituem um factor de desenvolvimento regional, na medida em que permitem o acesso a meios de desenvolvimento e concretização de ideias a cidadãos ou instituições em regiões mais desfavorecidas, contribuindo para a equidade de oportunidades ao longo de todo o território nacional. Aliás, a existência de FABLAB’s tem demonstrado isto mesmo ao longo dos últimos anos um pouco por todo o mundo.

Proponentes do projeto
  • Acácio José Gomes Cerqueira
  • César Augusto Lima Mendes Vaz de Brito
  • João Manuel Fernandes Dias
  • Hélder de Jesus Esteves Domingues
Ciência, Tecnologia e Ensino Superior

Ciência, Tecnologia e Ensino Superior

  • Orçamento
    75000 €
  • Âmbito do Projeto
    Regional
  • Região onde aplicar
    Norte
  • Municípios onde aplicar

    Arcos De Valdevez, Caminha, Melgaço, Monção, Paredes De Coura, Ponte Da Barca, Ponte De Lima, Valença, Viana Do Castelo, Vila Nova De Cerveira

  • Prazo
    24 meses
  • Links do projeto

Mais informações sobre o Orçamento Participativo Portugal