#595

Acções de sensibilização contra a violência e discriminação. Escolas do 1º Ciclo da Região Autónoma da Madeira.

Igualdade e Cidadania

Igualdade e Cidadania

Imagem do projeto

Alvo: Todas as Escolas do 1º Ciclo da Região Autónoma da Madeira.

Esta proposta visa levar a todas as turmas do 1º Ciclo da Região Autónoma da Madeira, espectáculos de Robertos onde serão abordadas as temáticas da violência e igualdade.
Consideramos ser um auxiliar importante na formação das nossas crianças tornando-as mais conscientes, logo mais activas na defesa da paz e contra a descriminação.
As crianças serão estimuladas a participar, podendo opinar e apresentar outras soluções.
As acções com uma duração média de 40 minutos devem ser desenvolvidas nas salas de aulas, o que permite estabelecer mais e melhores cumplicidades, sem alterar o normal funcionamento das escolas.

Para além do objectivo principal, é de relevar o contacto com os Robertos, arte tradicional tão querida e que conta com cada vez menos executantes.

Devem ser realizadas cerca de 475 intervenções (uma por turma) para o número aproximado de 11400 alunos.

Será criada uma página na internet para a divulgação desta iniciativa, onde cada professor vai poder publicar fotografias ou outros trabalhos dos alunos.

Com a duração de 6 meses tem duas fases distintas.
1ª Fase: Formação das equipas e planeamento.
2ª Fase: Execução

A acção deve acontecer no ano lectivo de 2018/19.
Vão estar envolvidos 13 profissionais.

Proponentes do projeto
  • João Miguel Freire de Almeida Carneiro
Igualdade e Cidadania

Igualdade e Cidadania

  • Orçamento
    201000 €
  • Âmbito do Projeto
    Regional
  • Região onde aplicar
    Região Autónoma da Madeira
  • Municípios onde aplicar

    Calheta, Câmara De Lobos, Funchal, Machico, Ponta Do Sol, Porto Moniz, Ribeira Brava, Santa Cruz, Santana, São Vicente, Porto Santo

  • Prazo
    12 meses

Mais informações sobre o Orçamento Participativo Portugal