#845

Consumo moderado e responsável de bebidas alcoólicas

Educação, Desporto e Juventude

Educação, Desporto e Juventude

Com a presente proposta pretende-se complementar a acção já concretizada pelo Ministério da Agricultura,( IVV- Instituto da vinha e do vinho) e Ministério do Trabalho e Segurança Social (SICAB) e também pelo Ministério da Educação e Saúde e complementar também com as acções das Organizações da produção e comércio de bebidas alcoólicas, nesta matéria de consumo moderado e responsável de bebidas alcoólicas.
Pressupostos: O consumo exagerado e irresponsável de bebidas alcoólicas agrava-se no nosso País e por todo o lado. Assim, é preciso complementar tudo o que já vem sendo implementado, até muito a recomendação da própria União Europeia e do Estado Português.
Mas, como se disse, o problema agrava-se e temos que complementar tudo o que já vem sendo feito.
Daqui, a apresentação da presente proposta.
Mas, afinal, em que é que a presente proposta é inovadora:
1- Criando uma Associação de defesa de consumos moderados e responsáveis de bebidas alcoólicas, apesar de o nosso País ser um País produtor( de vinho e não só) mesmo assim não possui infelizmente, uma associação como esta, que devia criar.
2- Serão estabelecidas parcerias com Escolas, Associações de pais e Associações de Estudantes e a vida de outras;
3- Será criada a página dos jovens, a nível da Associações de Estudantes; Serão estabelecidas parcerias, nomeadamente com a Associação de Municípios, Produtores de vinho e com Associação representativa de produção de cerveja e ainda com Associação representativa de bebidas licorosas.
4-Propor divulgação da informação especifica, esclarecedora, contendo questões como grau alcoólico das diversas bebidas, quantidades e consumos, etc.
5- Formação, sobretudo a jovens, através das associações de estudantes e não só.
6- Forte ligação às autarquias( sobretudo as que sejam produtoras de vinho)
7- Criação da figura do Provedor do Consumo Moderado e Responsável de Bebidas Alcoólicas,
8- Criação do Caderno" Hábitos de Consumo" para larga divulgação junto dos jovens.
9- Parcerias com associações estrangeiras análogas como Canadá e Reino Unido em particular;
Em resumo: O consumo exagerado e irresponsável de bebidas alcoólicas agrava-se.
Já muito se faz entre nós, mas é preciso complementar o que vem sendo feito.
E é esta complementaridade , inovadora e diferenciadora, que agora se apresenta ao Orçamento Participativo de Portugal.

Proponentes do projeto
  • José Manuel Álvares Da Costa E Oliveira
Educação, Desporto e Juventude

Educação, Desporto e Juventude

  • Orçamento
    150000 €
  • Âmbito do Projeto
    Nacional
  • Regiões onde aplicar
    Norte, Centro, Área Metropolitana de Lisboa, Alentejo, Algarve, Região Autónoma dos Açores, Região Autónoma da Madeira
  • Prazo
    24 meses

Mais informações sobre o Orçamento Participativo Portugal