#858

AVENTURA SEM BARREIRAS - Natureza e Turismo Acessível

Economia, Comércio, Industria, Turismo e Energia

Economia, Comércio, Industria, Turismo e Energia

Imagem do projeto

O Turismo Acessível assume-se como uma aposta atual e promissora não só em termos de desenvolvimento económico, mas sobretudo no desenvolvimento de comunidades inclusivas e solidárias.
O Turismo acessível garante uma diversidade de atividades turísticas acessíveis a TODAS as pessoas, com deficiência ou não, e que inclui todos aqueles que, de forma temporária ou permanente, apresentem limitações de mobilidade, sensorial, cognitiva ou psicossocial, idosos, obesos e famílias com crianças.
Os princípios da Independência, Autonomia e Equidade são basilares e norteiam o Turismo Acessível, que através de um conjunto de serviços e infraestruturas proporcionam às pessoas com necessidades especiais a possibilidade de experienciar atividades de lazer gratificantes, significativas e promotoras de bem-estar físico e mental, com conforto e segurança.
A Lousã, uma cativante vila situada na região centro de Portugal, é reconhecida internacionalmente desde 2011 como Destino de Turismo Acessível. Esta conquista iniciou-se em 2007 pela Camara Municipal da Lousã com o Projeto Lousã, Destino de Turismo Acessível (LDTA).
Aliando a vasta oferta em turismo acessível e à beleza natural indiscritível da Lousã, a Proposta AVENTURA SEM BARREIRAS – Natureza e Turismo Acessível centra-se na oferta de:
• Serviço de transporte turístico em TUK-TUK, com a possibilidade de transportar pessoas em cadeira de rodas (com adaptação específica e segura) por roteiros de interesse turístico;
• Experiência em Bike Off-Road (bicicleta todo terreno adaptada com modo elétrico e manual) para pessoas com deficiência física (tetra ou paraplégia) com acompanhamento assegurado por pessoal experiente, em percursos de terra batida e asfalto. Esta atividade pode incluir pessoas com outras incapacidades ou mesmo sem incapacidade.
• Passeio de bicicleta, com a possibilidade de adaptação para cadeira de rodas, na vila da Lousã. Esta experiência é bastante interessante porque permite que um familiar ou amigo da pessoa com deficiência ou mobilidade reduzida, conduza a bicicleta que possui uma adaptação que permite o encaixe seguro na cadeira de rodas.
• Desenvolver trilho na serra da Lousã para impulsionar a prática do Downhill Adaptado, com o apoio de estruturas municipais e Montanha Club.
Os passeios em TUK-TUK e Bike Off-Road contemplarão percursos na Serra da Lousã e o contacto com a riquíssima fauna e flora que a caracterizam, visita às Aldeias de Xisto (Aigra Nova, Aigra Velha, Talasnal, Cerdeira, Chiqueiro, Casal Novo, entre outras), experiências gastronómicas e culturais.
Do valor faturado com estes serviços, pretende-se que uma percentagem, ainda por definir, seja destinada à aquisição de produtos de apoio e ajudas técnicas para pessoas dos municípios envolvidos.
Esta proposta pretende contribuir para uma oferta de atividade turística mais diversificada e inclusiva nos Municípios da Lousã, Góis e Miranda do Corvo, mas também contribuir para o desenvolvimento local, com o estabelecimento de parcerias com estruturas e serviços locais dos setores da restauração, hotelaria, entre outros.

Proponentes do projeto
  • Maria Pedro Queiroz de Azevedo Erse
  • Carlos Seco
  • João Bandeira
Economia, Comércio, Industria, Turismo e Energia

Economia, Comércio, Industria, Turismo e Energia

  • Orçamento
    150000 €
  • Âmbito do Projeto
    Regional
  • Região onde aplicar
    Centro
  • Municípios onde aplicar

    Góis, Lousã, Miranda Do Corvo

  • Prazo
    24 meses
  • Links do projeto

Mais informações sobre o Orçamento Participativo Portugal